MENU

18ª TrekCon reúne fãs da franquia que está prestes...

AV-CINE

Overdose de Super-heróis | Os futuros lançamentos do cinema

Geek de carteirinha, Robin Williams deixa um legado

robin-williams-geek
De Popeye a um cachorro que fala. Depois de um “bom dia” (no filme ‘Bom dia Vietnã‘, de 1987) ele alavancou sua carreira para se tornar um dos atores mais queridos de Hollywood. Com sua morte, deixa um legado de inúmeros filmes que fizeram história no cinema pelos papéis icônicos que desempenhou.
Agora, o que a maioria dos fãs desconhecem é que Robin Williams era um geek de carteirinha. Pois é, ele era um grande entusiasta de animes e videogames – um de seus jogos favoritos era o MMORPG World of Warcraft, da Blizzard Entertainment. Não bastasse esse fascínio pelos jogos, se depender da Blizzard, Robin Williams será eternizado como um personagem do Warcraft.

Robin Williams irá virar personagem de Warcraft

A ideia dessa “homenagem” ao ator partiu dos próprios jogadores. Uma petição online, no site “Change.org”, pedia à Blizzard algum tipo inclusão do cineasta/gamer no jogo. Óbvio que a produtora não poderia deixar passar em branco a homenagem ao seu ilustre fã e prontamente respondeu ao pedido.

O perfil do game no Twitter informou que o desejo dos fãs do ator e do game será realizado. “Robin Williams, muito obrigado. Você trouxe muita alegria a nossas vidas e nós esperamos que você aproveite o seu tempo em nosso mundo. Nós veremos você no jogo”.

twitter-robin-williams

O criador da petição, Jacob Holgate, chegou a escrever que falou com representantes da Blizzard sobre a criação do personagem, que deve ser um NPC (personagem não controlado por um joador). Além disso, um dos designers do game já havia manifestado o interesse da Blizzard de levar Robin Williams para o universo de Warcraft.
Há uma outra petição, no Change.org, para que a Nintendo faça também de Robin Williams um NPC de Zelda. Porém a empresa ainda não se pronunciou.

Robin Willians, o entusiasta do mundo geek

robin-zelda-williamsA morte de Robin Williams continua entristecer milhões de pessoas no mundo. Enquanto isso um personagem do game qual ele era fã, é uma coisa boa a surgir para “amenizar” essa situação negativa, já que o reconhecimento do ator como notório fã de games já é antigo.
O cara era tão viciado em videogame, que batizou sua filha com o nome “Zelda” (Zelda Rae Williams), em homenagem à princesa que dá o nome ao clássico jogo da Nintendo, ‘The Legend of Zelda’. Em 2011, pai e filha chegaram a participar do comercial de relançamento de “The Legend of Zelda: Ocarina of Time” para o Nintendo 3DS.

Além de ter sido fã de carteirinha de games, principalmente os de tiro em primeira pessoa, como “Call of Duty”, “Battlefield” e “Portal”, Robin Williams em algumas ocasiões declarou com orgulho sua fixação por animes. Durante uma entrevista coletiva no site Reddit, em 2013, declarou ser um especialista no estilo japonês de desenhos animados, citando “Ghost in the Shell”, “Akira”, “Cowboy Bebop” e “Blood: The Last Vampire” como alguns de seus títulos favoritos. Sem contar que curtia principalmente Neon Genesis Evangelion, o qual ele colecionava action figures.

Personagens geeks de Robin Williams

Não é somente nos games e animes que Robin Willians era adepto da cultura pop. De Popeye a Manivela, Willians garantiu sua parcela na cinema geek.

Popeye

robin-williams-popeye

O filme de Robert Altman, Popeye (1980) tem tantos defensores quanto detratores, mas Robin Williams se entrega de corpo e espinafre a um dos personagens mais clássicos do universo dos cartoons. Sua parceria com a Olivia Palito vivida por Shelley Duvall é antológica.

Gênio – Alladin

robin-williams-alladin

Metade do estrondoso sucesso do desenho da Disney, Alladin (1992) se deve à sensacional participação de Robin Williams, que emprestou sua voz ao gênio da lâmpada. Aqui o ator mostra não apenas seu talento para o humor, mas todo seu potencial vocal, cantando em músicas irresistíveis como “Prince Ali”. Sem contar que o rosto do Gênio era totalmente inspirado no ator.

Alan Parrish – Jumanji

robin-williams-jumanji

Quem aqui não gostaria de poder jogar o famoso tabuleiro do filme Jumanji (1995)? Pois Robin Williams teve essa experiência. Tá certo que não foi boa, mas o filme só ganhou o gosto da galera por conta, óbvio, da atuação de Robin Williams, que assumiu o pepel do barbudo Alan Parrish, em sua busca para terminar o jogo que havia começado há 26 anos, antes de ficar preso por todo esse tempo dentro do mundo de Jumanji.

Dr. Saber – A.I. Inteligência Artificial

robin-williams-filmes

Em A.I – Inteligência Artificial (2001), de Steven Spielberg, a participação de Robin Williams tem aquele ar saudosista, no momento especial em que um computador  responde a todas as perguntas, tomando uma forma animada para guiar o pequeno David Swinton em sua jornada. O Dr. Saber é lembra muito a figura de Einstein ou ainda aquele velhinho animado que aparecia no menu “ajuda” das versões antigas do Windows.  Era uma espécie de Google.

Manivela – Robôs

robin-williams-robo

No filme Robôs (2005), como é de se esperar, aqui o ator repete ao que faz de melhor: o cômico. Dublando o divertido Manivela, que vive perdendo suas peças e rouba a cena sempre que aparece. Um personagem que caiu no gosto da criançada (e de muitos adultos). Fazendo uma comparação com o ‘Burro’ em Shrek, que se destaca por suas peripécias que arrancam boas gargalhadas.

Robin Williams deixa filmes inéditos

“Imortalizado” por suas obras, Robin Williams ainda estreará nas telas dos cinemas. Antes de sua morte, o ator deixou quatro filmes inéditos engatilhados.

Uma noite no museu 3

A terceira parte da comédia estrelada por Ben Stiller, Robin Williams volta ao papel de do ex-presidente americano Theodore Roosevelt. “Uma Noite no Museu 3: O segredo da Tumba do Faraó” tem estreia marcada para o dia 1 de janeiro de 2015 no Brasil.

Merry Friggin Christmas

Ainda sem título em português e com estreia prevista para 7 de novembro, a comédia natalina coloca o ator na pele de Boyd Mitchler, que esquece os presentes do filho em casa e tem que fazer uma viagem de oito horas para voltar a tempo da manhã de natal.

Absolutely anything

Praticamente sua especialide, a comédia, em “Absolutely anything”, Robin Williams volta ao mundo animado e empresta sua voz ao cão Dennis the Dog.  O filme tem estreia prevista para 2015.

absolutely-anything-robin-williams

Boulevard

No drama Boulevard, que foi exibido no Tribeca Film Festival, o cineasta interpreta Nolan Mack, um dedicado marido que enfrenta muitas dificuldades ao lutar para se assumir como homossexual. O filme não tem previsão de estreia.
boulevard-robin-williams-filme

Pois é isso pessoal, aqui fica nossa singela homenagem a Robin Williams, um geek por completo. Sem dúvida, vamos sentir muito a sua falta.  Descanse em paz Capitão!

Comentários
Pin on PinterestTweet about this on TwitterShare on Google+Share on FacebookEmail this to someone

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>